BLOG

MAPA DA VIOLÊNCIA MOSTRA QUE 60% DAS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NÃO FAZEM REGISTRO POLICIAL

No domingo, 19 de novembro, o programa Fantástico, da Rede Globo, revelou dados alarmantes sobre a violência contra mulheres no Brasil: seis em cada dez brasileiras vítimas de violência doméstica não fazem registro policial. 

Esses números inéditos, que apontam para a alta subnotificação policial, foram obtidos no Mapa Nacional da Violência de Gênero, plataforma criada em parceria pelo Instituto Avon, o Observatório da Mulher Contra a Violência (OMV) do Senado Federal e a organização de jornalismo de dados Gênero e Número, e que reúne os principais dados nacionais públicos e indicadores de violência contra as mulheres no país. O lançamento aconteceu no dia 22 de novembro no Senado Federal, em Brasília, com a presença do ministro da Justiça, Flavio Dino, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, a procuradora da Mulher do Senado, senadora Zenaide Maia, e a diretora da Secretaria de Transparência do Senado, Elga Mara Teixeira Lopes, compondo a mesa principal.

De forma aberta, acessível e transparente, o Mapa compila as informações de cinco bases públicas de dados, com atualizações a cada dois meses: o Sistema Nacional de Segurança Pública (Sinesp/MJSP); a Base Nacional de Dados do Poder Judiciário (DataJud/CNJ); o SIM e Sinan, duas das bases do Sistema Único de Saúde (SUS); e a Pesquisa Nacional de Violência contra a Mulher, realizada pelo Instituto DataSenado em parceria com o OMV.
Acreditamos que o enfrentamento da violência contra a mulher tenha no lançamento do Mapa Nacional da Violência de Gênero um marco histórico, em cumprimento ao artigo 8º da Lei Maria da Penha que prevê a sistematização de dados, a serem unificados nacionalmente, e a avaliação periódica dos resultados das medidas adotadas. Por isso, o lançamento desta plataforma interativa é tão importante para pautarmos políticas públicas e ações focadas no enfrentamento das violências contra mulheres e meninas”, afirma a diretora executiva do Instituto Avon, Daniela Grelin. 

Pesquisa Nacional de Violência contra a Mulher
Disponibilizada no Mapa Nacional da Violência de Gênero, a 10ª edição da Pesquisa Nacional de Violência contra a Mulher traz o maior levantamento do país sobre o tema, com mais de vinte mil mulheres entrevistadas. Realizada pelo Instituto DataSenado em parceria com o Observatório da Mulher Contra a Violência (OMV), ambos do Senado Federal, a pesquisa foi criada para servir de subsídio para a elaboração da Lei Maria da Penha e é realizada a cada dois anos, desde 2005. Você pode consultá-la na plataforma Mapa da Violência ou em https://institutoavon.org.br/21diasdeativismo/mapa-da-violencia/





CONTATO

Para se tornar uma signatária ou receber mais informações sobre a Coalizão Empresarial pelo Fim da Violência Contra Mulheres e Meninas, envie um e-mail para coalizaoempresarial@avon.com e aguarde o nosso contato.

Usamos cookies para ajudar a personalizar conteúdo, adaptar e oferecer uma experiência mais segura para você. Ao usar o site, você concorda com a utilização de cookies para coletar informações dentro e fora dele. Leia nossa Política de privacidade para saber mais ou acesse as "Preferências de cookies" no seu navegador para gerenciar suas configurações.